Governo de Minas
 
Você está em: Página Inicial / Publicações

Custos de Produção -> Custo de Produção Canola 2014


Baixar versão em PDF

Custo de produção Canola: safra de 2014 no Rio Grande do Sul.

 

As estruturas de custo de produção da canola no Rio Grande do Sul para a safra 2014 basearam-se em dois cenários mais frequentes encontrados no estado: cenário 1 que representa nível médio de tecnologia com mão de obra familiar e contratada com produtividade esperada de 1.500 kg/ha; e, cenário 2 com maior nível tecnológico, mão de obra totalmente contratada e produtividade esperada de 1.700 kg/ha. A análise do custo para a última safra apresentou aumento dos custos para os dois cenários. Ao comparar os custos da safra de 2013 e 2014, é possível perceber alta de 3,5% para cenário 1 e de 3,3% para o cenário 2. Os custos de preparo do solo, tratos culturais, sementes e mão de obra ficaram estáveis comparados a safra 2013. Já os fertilizantes diminuíram a sua participação, caindo de 58% e 60% no cenário1 e 2 para 54% e 55% respectivamente. Custos como plantio, colheita e defensivos tiveram alta. Na Tabela 1 é apresentado o custo para a safra de 2014.

 

Tabela 1: Custo de produção por hectare da Canola - RS safra 2014

 

Custo de produção por R$/hectare

Especificação

CENÁRIO 1

CENÁRIO 2

Preparo do solo (dessecação)

9,48

11,85

Plantio

56,46

54,03

Tratos culturais

34,78

40,47

Colheita

83,12

86,53

Fertilizantes

472,50

565,00

Sementes

120,00

120,00

Defensivos

88,75

132,35

Mão de Obra

15,42

9,88

Custo Total

880,51

1.020,11

Fonte: Dados PRONAF/Banco do Brasil-RS.

 

 

A Figura 1 mostra a composição do custo nos dois cenários. Os fertilizantes representam cerca de 55% do custo total na produção de canola, visto que esta é uma cultura exigente desse tipo de insumo. Após os fertilizantes, os maiores custos são sementes e defensivos que chegam aos 10% cada. Estes percentuais se referem a compra de sementes geneticamente modificadas e herbicidas, muitas vezes utilizados no controle da doença “canela-preta”. Tais insumos compõem mais de 70% do custo dessa cultura nos dois cenários. Operações como tratos culturais, plantio e colheita respondem individualmente por 4%, 6% e 9% do custo total do cenário 1 e 4% 5% e 9% respectivamente no cenário 2.

Como a expectativa de produção no cenário 2 é maior, os custos com fertilizantes são maiores, sendo necessário a utilização deste insumo para maior retorno produtivo.

 

Tabela 2: Quantidade de fertilizantes empregados em cada cenário.

  

Fertilizante (tonelada/ha)

Cenário

10-25-12 + Zn + S

Ureia (45%)

1

0,225

0,15

2

0,25

0,2

Fonte: Dados PRONAF/Banco do Brasil-RS.

 

A Tabela 3 detalha a receita total e margem bruta esperada nos dois cenários, com as produtividades médias de cada. A receita total no cenário 1 foi de R$ 1.613,25 por hectare, considerando a produtividade esperada de 25 sacas e o preço comercializado de R$ 64,53/sc. Em relação à safra 2013, o preço da saca subiu 4%, passando de R$62,00 para R$ 64,53. A margem bruta no cenário 1 e 2 tiveram aumento de 5%, atingindo R$732,74 e R$ 808,02 por hectare, respectivamente.

Tabela 3- Receita total e margem bruta esperada para a cultura da canola na agricultura familiar no estado do Rio Grande do Sul.

Produtividade

Produtividade sacas por hectare

Preço da Saca

Receita Total

Margem Bruta

1500 Kg/ha

25,00

R$           64,53

R$   1613,25

R$      732,74

1700 Kg/ha

28,33

R$           64,53

R$   1828,13

R$      808,02

 

                 Para a safra de 2015, as expectativas são de crescimento. Segundo a ABRASCANOLA, a área plantada com canola vai aumentar cerca de 20%, isto principalmente em áreas onde o trigo perdeu espaço por causa das chuvas que vem caindo no Rio Grande do Sul. Os agricultores do estado que detém cerca de 80% da área cultivada com canola em todo o país estão satisfeitos com o preço do mercado futuro já que os preços têm acompanhado o mercado da soja, gerando mais rentabilidade aos agricultores.

 
Vila Gianetti 25. Campus Universitário – Viçosa, MG - Telefone: (31) 3899 2185
Skype:
centro.referencia.biodiesel - E-mail: contato@biomercado.com.br
© 2013 - BIOMERCADO - Centro de Referência da Cadeia
de Produção de Biocombustíveis Para Agricultura Familiar