Governo de Minas
 
Você está em: Página Inicial / Boletins

Boletim do Caroço de Algodão -> Boletim Caroço de Algodão Novembro 2013


Baixar versão em PDF

Com base nos dados divulgados pelo Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária-IMEA, o estado de Mato Grosso, principal produtor de caroço de algodão, apesentou nas duas primeiras semanas do mês de novembro queda nos preços. O município de Rondonópolis apresentou a maior oscilação do mês, de acordo com o IMEA na última semana de outubro a cotação foi de R$500,00/ton e o mês de novembro terminou com R$400,00/ton, apresentando uma variação negativa de 20%. A variação anual do município de Rondonópolis teve oscilação negativa de 19%. O município de Sorriso iniciou o mês com preço do caroço de algodão em R$420,00/ton e fechou o mês cotando R$400,00/ton, uma queda de 5%. Segundo o IMEA, esse município apresentou oscilação negativa de 17% na variação anual, de janeiro a novembro deste ano. No município de Campo Novo do Parecis a cotação do caroço do algodão foi estável, fechando a R$400,00/ton. Todavia, houve certa oscilação do preço ao longo do mês. No acumulado do ano, o preço acumula queda de 9%. No Gráfico1 é possível visualizar a variação dos preços durante o mês de novembro do caroço de algodão.

 

 

Gráfico 1: Preços do Caroço de Algodão R$/ton.  

Fonte: Elaborado a partir de dados do Imea.

 

Segundo o último levantamento da Conab o comparativo da safra 2012/2013 para a safra 2013/2014 o caroço de algodão apresentou um aumento da área plantada em 20,4% passando de 894,3ha para 1.076,9ha na última safra. Com relação a produção  essa safra teve um incremento de 24,5%, chegando a 2514,4 mil toneladas  ano de 2013.  

Com relação ao ainda sobre dados divulgados pela Conab, esse incremento na produção pode ser justificado pelos fatores como a recuperação dos preços internos ao longo de 2013, favorecida pela oferta mais restrita; elevação dos preços no mercado externo com tendência de permanecerem em patamares favoráveis e os atuais níveis de preços de mercado das commodities concorrentes, notadamente o milho, justificam o referido incremente na área plantada com algodão no país e consequentemente no aumento na produção brasileira.

 
Vila Gianetti 25. Campus Universitário – Viçosa, MG - Telefone: (31) 3899 2185
Skype:
centro.referencia.biodiesel - E-mail: contato@biomercado.com.br
© 2013 - BIOMERCADO - Centro de Referência da Cadeia
de Produção de Biocombustíveis Para Agricultura Familiar