Governo de Minas
 
Você está em: Página Inicial / Boletins

Boletim do Caroço de Algodão -> Boletim Caroço de Algodão Dezembro 2014


Baixar versão em PDF

No mês de dezembro os estados Bahia, Minas Gerais e Mato Grosso não apresentaram variações nos preços em relação ao mês anterior como mostra a Tabela 1. O maior preço médio foi pago no estado de São Paulo, mais uma vez, R$871,50/ton., aumento de 19,88%. O menor preço médio foi no Mato Grosso, R$397,50/ton., mantendo o preço do mês anterior.

Tabela 1: Preços médios do caroço de algodão, em R$/tonelada.

Estado

BA

GO

MG

MS

MT

SP

Média

Janeiro

 R$  750,00

 R$  565,00

 R$   650,00

 R$    550,00

 R$  405,00

 R$  666,67

 R$    597,78

Fevereiro

 R$  687,00

 R$  562,38

 R$   650,88

 R$    527,25

 R$  402,38

 R$  671,25

 R$    583,52

Março

 R$  570,00

 R$  557,50

 R$   671,14

 R$    485,00

 R$  397,50

 R$  653,41

 R$    555,76

Abril

 R$  442,00

 R$  557,50

 R$   654,00

 R$    485,00

 R$  397,50

 R$  537,50

 R$    512,25

Maio

 R$  410,00

 -

 R$   647,50

 R$    485,00

 R$  397,50

 R$  675,00

 R$    523,00

Junho

 R$  562,00

 R$  520,63

 R$   650,00

 R$    612,50

 R$  460,00

 R$  383,33

 R$    531,41

Julho

 R$  562,00

 R$  531,25

 R$   650,00

 R$    525,00

 R$  460,00

 R$  433,33

 R$    526,93

Agosto

 R$  490,00

R$ 555,84

 R$   630,00

 R$    551,25

 R$  442,50

 R$  286,67

 R$    492,71

Setembro

 R$  415,00

R$ 597,92

 R$   615,00

 R$    572,50

 R$  422,25

 R$  735,00

 R$    559,61

Outubro

 R$  405,00

R$ 511,07

 R$   595,14

 R$    541,81

 R$  397,50

 R$  724,17

 R$    529,11

Novembro

 R$  400,00

R$ 469,59

 R$   587,50

 R$    545,75

 R$  397,50

 R$  727,00

 R$    521,22

Dezembro

 R$  400,00

 R$  468,65

 R$   587,50

 R$    552,50

 R$  397,50

 R$  871,50

 R$    546,28

Média Estadual

 R$  507,75

 R$  536,12

 R$   632,39

 R$    536,13

 R$  414,76

 R$  613,74

 R$    539,97

Variação Mensal (%)

0,00

-0,20

0,00

1,24

0,00

19,88

4,81

Fonte: ABRAPA.

Os agricultores começaram a fazer o plantio do algodão em Mato Grosso. A previsão é de redução da área cultivada com a cultura em relação à safra passada. Além do tempo ter atrapalhado os planos dos produtores que pretendiam plantar algodão depois de colher a soja, a desvalorização da pluma, média de 25% em um ano, também pesou na decisão de muitos agricultores.

No Gráfico 1 abaixo é possível analisar as oscilações ocorridas no preço médio do caroço de algodão.

 

Gráfico 1: Médias Mensais dos preços, em R$/ton., de caroço de algodão por estado.

Fonte:CREFBIO.

 Dados do IMEA mostram que após desvalorizações no mês de outubro, fechando em R$ 338,34/t no final do mês, a pior cotação do ano, o caroço de algodão se recuperou em novembro e teve sua quarta alta consecutiva na última semana, fechando a R$ 369,79/t. A resistência dos ofertantes em negociar abaixo de R$ 360,00/t acarretou queda significativa na liquidez. Aliado a isso, verificou-se fortalecimento na demanda advinda da Bahia.

Segundo, ainda o IMEA, o caroço do algodão vem conseguindo apresentar um quadro crescente e contínuo nos seus preços, aquecido, principalmente, pela demanda do óleo de

algodão, que após a oitava elevação semanal consecutiva está cotado a R$ 1.612,00/ton. e tem registrado altos volumes de negociações, dando margem para que as elevações registradas

nas últimas semanas possam permanecer por mais um certo período, refletindo no valor de negócio do caroço de algodão.

 
Vila Gianetti 25. Campus Universitário – Viçosa, MG - Telefone: (31) 3899 2185
Skype:
centro.referencia.biodiesel - E-mail: contato@biomercado.com.br
© 2013 - BIOMERCADO - Centro de Referência da Cadeia
de Produção de Biocombustíveis Para Agricultura Familiar